contos

O Dia da Barganha

– Quanto custa?
– Sessenta.
– Duas por cem?
– Duas por cento e vinte.
– Cento e dez?
– Tudo bem.

– Quanto?
– Dois. Três por cinco.
– Dois por três?
– Não…
– Ah, vai… Dois por três.
– Tá bem.

– Quanto vale?
– Trinta.
– Por um só?
– É.
– Dois por cinquenta?
– E cinco.
– Ok.

– E quanto?
– Dez, completo.
– Que tal um pra dois, por doze?
– Como queira.
– Capricha aí.

– Quanto tá valendo?
– Dois.
– Por quanto?
– Um, bem gordo.
– Cinco por oito?
– Beleza. Espere aí que já venho.

– Quanto custa?
– Vinte por pessoa.
– E se ficarmos mais, pode baixar um pouco?
– Não, esse é o preço.
– Tá bem…

– Quanto?
– Um.
– Tenho setenta.
– Ok.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s