contos

A Amada

Ela é a amada. Pra todas as horas. Pra todos os baques. Pra senti-la em meus braços, árduos, cansados de sofrer. Quero ter olhos pra vê-la. Linda, formosa, na prosa e na poesia de seus abraços e carinhos. Nos vinhos e nas carícias, ela é a melhor que se podia esperar. Um presente de Deus, daqueles que a gente não pensa em largar. Quero estar ao seu lado, sentado, abraçado, no sofá da nossa sala. E no seu coração, quero um lugar pra descansar minha dor, fazer dela um amor, cheio de luz e alegria, puro e simples, sem complicação.

Ela é a amada, que em um toque de fada, tocou meu coração.

Anúncios

2 comentários sobre “A Amada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s