contos

A Estação Esquecida No Ano Que Se Inicia

chuvadeveraoTanto tempo, tanto tempo desse tempo cheio de momentos vermelhos e cinzas e blues da vida, que nem me lembrava dos encantos dessa estação.

A caminho do parque, no fim da tarde de um verão de janeiro, névoas de mosquitos brilhantes e famintos me acompanham, enquanto acelero o passo, sem razão aparente ou por mera intuição. Nos primeiros metros, os primeiros pingos de uma típica chuva de verão – como iriam dizer, minutos depois, o par de idosos-desconhecidos-parceiros-de-caminhadas, debaixo do mesmo complexo de árvores que utilizei para esperar a chuva baixar, ainda que a decisão me aproximasse dos raios proclamados pelos escabreados trovões.

O caldo da chuva engrossou e decidi adentrar a sugestiva trilha despontada logo atrás. Por entre galhos quebrados e folhas secas e no conforto solitário de um micro-bosque escudado da tempestade tropical, lembrei o mendigo tresloucado que avistara naquele outro dia, quando acompanhava os semi-irmãos Felipo e Angie, em mais uma dessas caminhadas despropositadas, porém necessárias.  Brevemente, me senti como o próprio, isolado na minha fantasia, dissociado do cimento do parque planejado.

As gotas cessam gradualmente e rumo em direção à grande casa ucraniana amadeirada – atração turística que nesse instante pós-temporal se encontrava docemente abandonada. Sozinho, atravesso vagarosamente o colossal portal. Na rua, o ônibus da prefeitura, inglês esverdeado, deixa uma família de japoneses sortudos que terão o cartão postal só para eles.

O calor da estação evapora repentinamente o sumo da chuva do asfalto renovado e o molhado de meu corpo, um ano mais velho. Sigo caminhando ao redor do parque e me despeço da cena, saudando o arco-íris recém-formado, ao som fresco do espírito santo de Castello Branco, variegado com o céu e os pássaros de um novo tempo.

O verão também é legal! 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s